Um pouco de Arquitetura 2#

  Localizado a cerca de 20 quilômetros do centro histórico de Petrópolis, o distrito de Pedro do Rio tem sua paisagem marcada por montanhas e vales, dos quais muitas pessoas procuram desfrutar em casas de lazer e veraneio, demanda na qual se classifica a residência projetada por Miguel Pinto Guimarães.
  O andar superior foi reservado para os dormitórios: a suíte principal é voltada para a paisagem e os quartos de hóspedes (três) tem varandas junto à encosta posterior.
  O pavimento inferior destinou-se ao lazer. Piscina, jardim, varanda coberta com churrasqueira, sauna e sala de ginástica são agrupados nesse piso, que o arquiteto identifica como piloti.
  O fato de o terreno ser sombreado em boa parte do dia pelo maciço de pedra que o limita ao fundo foi determinante para a definição do projeto em dois aspectos apontados por Guimarães: o desenho da cobertura e a localização da piscina.
  A cobertura é constituída por telhado de apenas uma água, gerando a fachada frontal de 4,20 metros em cada cômodo - triângulos laterais somam-se à modulação e otimizam o aproveitamento da iluminação natural na maior parte do dia.
  A piscina estende-se por todo o plano do jardim e se projeta sobre o desnível do terreno. “Ela busca a maior exposição ao sol, driblando a sombra da casa e da pedra”, conclui o autor.









Mais informações no site: http://www.arcoweb.com.br/arquitetura/miguel-pinto-guimaraes-arquitetos-associados-residencia-petropolis-11-10-2011.html


Postagens mais visitadas deste blog

Pedras Preciosas 5#

Pedras Preciosas 4#